Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

SIMPLESMENTE AVÔ

Pedaços do dia-a-dia

SIMPLESMENTE AVÔ

Pedaços do dia-a-dia

08.02.16

AVANCE, ASSUNÇÃO!


simplesmente...

ASSUNÇAÕ.jpg

 

 

 

CARTA ABERTA

 

            Bom dia, Sra. Dra.

            Você é simples, simpática, elegante, moderna e, a meu ver, pessoa competente.

            Por isso, simpatizo consigo.

            Acresce que, segundo é voz aparentemente corrente, desempenhou bem o seu cargo no Ministério que lhe coube em sorte.

            Tomou a iniciativa de ascender à presidência do CDS/PP.

            Em minha opinião, fez bem.

            No entanto, para ter algum sucesso nas novas previstas funções, tem de alterar num bom pedaço a sua maneira de se corresponder com o público.

            Na verdade, a postura do sr. dr. Paulo Portas é específica dele e, salvo o devido respeito, não lhe assenta nada bem a si.

            Por outras palavras: Entendo que deve assumir uma atitude pública mais responsável, mais comedida, menos “caceteira”, enfim, mais “low profile”.

            Observe, por favor, as mulheres que, na comunidade internacional, hoje desempenham, por mérito próprio, papéis de enorme relevo.

            São pessoas comedidas nos discursos, ponderadas nos gestos, fortes e serenas, intransigentes nos princípios e modestas nas atitudes, competentes sem alarde e vigorosas sem violências.

            A Direita portuguesa precisa de encontrar um porto seguro, convincente e activo.

            Vagueia, errática e melancólica, entre o PSD/PP e o PS, à cata do líder forte e corajoso que lhe falta.

            Você, que é nova, tem princípios e é culta, pode ser esse líder.

            No entanto, tem de despir a triste roupagem da velha política, própria dos meninos das juventudes partidárias.

            E avançar, Portugal e Europa fora, como a autêntica, corajosa e genuína pregoeira dos sólidos valores da Democracia Cristã!

            Vá lá, avance, não tenha receio!

            Conte com o Povo Português – que está mais que farto de todos os políticos de meia tigela que, desde o dia 25 de Abril de 1974, ocupam despudoradamente todo o espaço público.

 

 

02.02.16

O EXÉRCITO E A ... CACA


simplesmente...

Fevereiro 004.jpg

 

 

Observando o exemplar monumento ao Valor do Infante erigido ao lado do Palácio de Mafra,

Dei por mim a pensar na nossa situação actual.

 

Continuamos com “infantes” de valor inigualável.

Mas temos infelizmente “generais” de fraco coturno.

 

Os “infantes” esfalfam-se nas fábricas, nas oficinas, nas obras,

no comércio, na indústria, na agricultura, nas pescas,

nos serviços, trabalhando muito por muito pouco dinheiro.

 

Os “generais” proliferam nos Bancos, nos Ministérios,

nas Empresas Públicas,

delapidando,

por acção e por omissão, a riqueza nacional.

 

Em síntese:

Somos, a todos os títulos, um “exército”  excelente,

Com “comandantes” de caca.